Daikin vence o Global Cooling Prize

Jun 11, 2021

A Daikin adotou uma abordagem fora da caixa, ao escolher o refrigerante que tem um Potencial de Aquecimento Global (GWP) de um dígito que reduz o impacto climático do ar condicionado. 

A Daikin Airconditioning India Pvt. Ltd., e a Daikin Industries, Ltd. juntamente com a Nikken Sekkei Ltd, uma das principais empresas de desenho, arquitetura e engenharia com sede em Tóquio, se candidataram ao concurso The Global Cooling Prize (GCP) e foram selecionados como o grande finalista do evento realizado na Índia em abril de 2021. 

O GCP é uma competição internacional endossada pelo governo da Índia, também pela Mission Innovation, iniciativa sobre o meio ambiente de 24 países e da Comissão Europeia e finalmente pela Rocky Mountain Institute, organização americana sem fins de lucro relacionada ao meio ambiente. 

A finalidade da competição é explorar tecnologias que possam reduzir significativamente o impacto climático dos aparelhos de ar condicionado em comparação com os equipamentos atualmente no mercado.  As inscrições dos participantes começaram em 2018 e no dia 15 de novembro foram reduzidas a 8 finalistas.  Depois de testar o protótipo para desempenho ao longo de dois meses, o protótipo desenvolvido e proposto pela Daikin sob a consultoria da Nikken Sekkei foi selecionado como o vencedor do Grande Prêmio. 

Esta nova tecnologia pode alcançar ao mesmo tempo, conforto e economia de energia controlando adequadamente duas unidades internas em uma sala.  Também, utiliza o calor da vaporização da água para aumentar ainda mais a eficiência energética do equipamento.  A Daikin adotou uma abordagem inovadora, como escolher o refrigerante que tem um potencial de aquecimento global (GWP) de um dígito que reduz o impacto climático do ar condicionado. 

A proposta inovadora da Daikin, assim como a utilização de tecnologia sólida foram os elementos que conseguiram o prêmio.  Estes resultados serão apresentados na 26ª conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, conhecida como COP26, em Glasgow, no Reino Unido, em novembro de 2021.  

Empresa com responsabilidade ambiental de futuro

O protótipo foi avaliado em termos de inovações tecnológicas e embora existam questões que deverão ser resolvidas para sua aplicação prática, a empresa tem o compromisso de continuar inovando nos equipamentos de ar condicionado para abordar os problemas relacionados com o ar e o meio ambiente tal como o estabelece na sua “Enviromental Vision 2050” (Visão Ambiental 2050) que tem por objetivo reduzir as emissões netas de gases de efeito estufa a zero para o ano 2050. A Daikin está na constante procura de novas tecnologias para reduzir o consumo de energia e o impacto ambiental dos refrigerantes usados nos equipamentos HVACR. 

Richard Branson, apoiador do prêmio desde seu lançamento em 2018, participou da cerimônia de entrega de prêmios do GCP e anunciou aos vencedores “Uma oportunidade de transformação de mercado para o setor do ar condicionado agora é uma realidade, que pode ajudar a combater o aquecimento de nosso planeta. À medida que este incrível sucesso começa a ser reconhecido e aplaudido, é o momento de os reguladores dar importância às políticas e padrões que nos ajudem a levar estas tecnologias aos mercados”.